Unhas doentes – O que pode ser?


As unhas doentes são caracterizadas por manchas, textura frágil, formato irregular e principalmente, aspecto amarelado, como se estivessem de fato, machucadas.

Alguns especialistas afirmar que as unhas podem ser um verdadeiro termômetro da nossa saúde. De certa forma, isso é verdade, pois algumas alterações podem ser de origem hereditária, congênita ou adquiridas.

Ao perceber as unhas doentes, o primeiro passo a ser feito, é procurar ajuda de um especialista, de preferência, um dermatologista que fará o diagnóstico adequado.

Unhas doentes podem indicar problemas de saúde

Em alguns casos, as unhas doentes podem indicar somente que você não está cuidando elas de forma adequada, o uso excessivo de produtos químicos podem ser um agravante para o desenvolvimento do problema.

Outra questão menos grave, é o uso de calçados muito fechados, desse modo, as unhas ficam muito abafadas e correm o risco de ficarem quebradiças e com fungos.

Todavia, as unhas doentes podem representar outros problemas de saúde, confira:

1- Unhas muito amareladas e totalmente esbranquiçadas

Unhas esbranquiçadas é o resultado do uso de muito produto químico, seja para lavar a louça, roupa ou limpar a casa. Tenha cuidado na manipulação desses elementos e use luvas para reduzir o problema.

No entanto, a cor amarela pode sugerir acúmulo do líquido linfático no organismo, bem como problemas nos pulmões.

2- Unhas muito grossas, como casco e com coloração amareladas

Esse tipo de unhas doentes é muito comum, geralmente, estão presentes em pessoas que sofrem de micoses, a presença de fungos modifica a textura da unha. Além disso, é uma condição natural do envelhecimento, por isso, alguns idosos possuem essa alteração.

Entretanto, também pode indicar problemas de pressão alta.

3- Pontos avermelhados embaixo das unhas

Essas manchas são ocasionadas por vasos sanguíneos rompidos, na maioria dos casos, não representa algo grave. Contudo, pode indicar problemas do coração e sintomas do Lúpus.

4- Linhas brancas

Não é necessariamente uma unha doente, é uma condição bastante comum. Mas, alguns especialistas apontam que esse sintoma pode indicar problemas no fígado ou nos rins.

5- Muito quebradiças

Unhas que não conseguem ficar muito tempo sem quebrar, podem ser um indicativo de doenças da tireóide.

Em outros casos, nada mais é que o uso excessivo de produtos químicos.

6- Unhas curvadas

Nem sempre, esse é um sinal de unhas doentes, existem pessoas que possuem essa condição hereditária.

No entanto, é preciso ficar atento, pois pode indicar problemas hormonais, deficiência de ferro, doenças do fígado, problemas cardíacos e tireóide desregulada.

7- Linhas verticais escuras

Esse é um sinal que merece atenção, no geral, essa condição abrange pessoas com câncer de pele.

Obviamente que nem sempre unhas doentes podem indicar problemas graves de saúde, sobretudo, eles merecem atenção. Caso você notar alterações nas unhas e que elas não estão dentro da normalidade de sempre, busque orientação médica.

Geralmente, a primeira especialidade médica a ser consultada em caso de unhas doentes, é o dermatologista. O profissional fará avaliação e solicitará exames para um diagnóstico preciso, caso necessário, indicará o paciente para o tratamento adequado.

 

 

 

Tags

, , , , ,